quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

0

Dicionário de moda II

Boa tarde, Mulherzinhas!!!
Olha aí a segunda parte do dicionário de moda.

Ladylike – estilo superelegante e feminino, que, com traços vintage, abusa de laços e detalhes românticos. 
Liberty – é aquela estampa floral miudinha, bem delicada e feminina.

Midi Boot – bota com cano no meio da canela. 

Minimalismo – Estilo clean, com cores neutras e recortes mais retos e simples. Essa é uma tendência onde menos é mais! 
Meia pata – é a plataforma que encontramos na parte da frente de sapatos de salto alto. 

Meia 7/8 – meia calça que termina na coxa, pouco acima do joelho.

Microfibra – Criada pela empresa Rhodia, é uma das mais importantes criações da indústria têxtil desde a década de 50.

Motorcycle boot- bota com cano médio e boca mais larguinha, bico arredondado e fivelas.

Navy – estilo inspirado nas roupas de marinheiros, com bastante listras e que tem como principais cores o azul, branco e vermelho. 
Neoclássico – Tendência que dominou a pintura, a escultura, a arquitetura e a moda europeia do fim do século XVII até a metade do século XIX, imitando as formas artísticas e arquitetônicas da cultura greco-romana. Foi marcado por vestidos inspirados em túnicas drapeadas; amarrações, cintura alta. Nos pés sandálias trançadas envolvendo as pernas. 

Open Boot – é a mesma coisa que ankle boot, só que com recortes na frente e/ou atrás. 
Off-white – é um branco puxado para o tom mais pérola ou nude bem clarinho.

Oxford – sapato masculino, fechado e de amarrar, que foi adaptado ao armário feminino.
Patchwork – Trabalho artesanal em que pequenos retalhos (de diferentes cores e padronagens) são costurados resultando um tecido. Nasceu no século XVIII durante o período da revolução francesa: tudo era reaproveitado.
Peep Toe – sapato que tem uma pequena abertura na frente e deixa uma parte dos dedos a mostra. 
Pied de Poule – tipo de estampa xadrez que lembra um “pé de galinha”, como a própria tradução do nome diz.  

Plissado – efeito sanfonado dos tecidos de saias, vestidos e blusas. 
Preppy – estilo que lembra as roupas estilo colegial, marcado pelos cardigãs, saias plissadas, tiaras e meias-calças. Ganhou um toque pop ao apostar em cores fortes! 

Polaina – Peça usada sobre o sapato. É feita de brim, veludo, lã, pelica ou camurça. Nasceu para proteger a barra das calças masculinas da graxa do sapato. Também define um tipo de meia sem pé para aquecer a área do tornozelo principalmente aos adeptos a ginástica.

Punk – Termo atribuído ao movimento comportamental juvenil que surgiu em Londres, na Inglaterra, nos 70 e 80. Com roupas e cortes de cabelos agressivos, os jovens denunciavam sua insatisfação com a sociedade. Peças negras, recobertas de tachas, alfinetes e presilhas, camisetas com slogans de protesto, calças justas de couros e coturnos desgastados.

Prêt - à - porter - são coleções e roupas produzidas em larga escala e vendidas nas lojas "prontas para vestir", ou seja, aquelas que não são feitas sob encomenda ou sob medida.
Retrô – Define o estilo antigo, a inspiração no passado. Hoje é super comum a expressão retrô definindo um estilo que foi reciclado ou com características que lembram décadas antigas.

Saint Tropez – Nome atribuído às calças e depois também às saias, justas no quadril sem cós que deixam o umbigo à mostra.

Salto Luíz – Tipo de salto alto que se acredita ter sido usado pela primeira vez pelo rei francês Luiz XVI. O salto é caracterizado por uma curva côncava e pelo estreitamento na parte externa.

Scarpins – é o clássico sapato feminino fechado e de salto alto. 
Seventies ou 70's – é a moda e estilo típico da década de 70, adaptado para os dias atuais.

Spencer – casacos ou terninhos de comprimento mais curto, acima do quadril. 

Sneakers – tênis modernos, geralmente de cano alto e supercoloridos.

Tartan – tipo de estampa xadrez, típica do estilo grunge. 

Trench Coat - é um casaco originalmente desenhado para enfrentar a chuva, como se fosse uma capa. Hoje, ganhou status fashion e é usado até mesmo como vestido, já que fica na altura do joelho ou um pouco abaixo.  
Trendsetter – é quando a pessoa é trendy, ou seja, quando ela lança tendências de moda e está sempre por dentro do mundo fashion. 

Tweed – é um tipo de tecido feito de lã, com diferentes fios formando uma mesma trama. Foi eternizado nos modelos da estilista Coco Chanel.

Vintage 
 – estilo ou peças com modelagens ou formas mais antigas. Atualmente, busca referências principalmente nas décadas de 50, 60 e 70.


Wrap – casacos, vestidos ou blusas com pontas laterais, com as quais é feita uma amarração ("wrap", em inglês). 

Wedge – é uma versão mais atual do salto anabela, ou seja, é um salto plataforma que aparece em botas, sandálias e sapatos. Pode ser em materiais como madeira, veludo e até couro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© mulherzinhas s/a - 2016. Todos os direitos reservados.
DESIGN E PROGRAMAÇÃO por: TRIZZ DESIGN.
imagem-logo